"A Coleira" - Nana Pauvolih.

 

Oiie, meus amores!

Hoje, vim aqui para falar de um livro que eu já li há um tempo, mas que me deu um "trabalhinho" para encontrar as palavras certas para descrevê-lo...

Nana Pauvolih, nossa parceira querida, me surpreendeu mais uma vez com sua escrita e, por isso, precisei compartilhar esse enredo com vocês! 

Vamoooooos resenhar? Vamos, sim, senhor!

 
A Nana não cansa de ser fofa <3

***

A Coleira nos traz um enredo um pouco polêmico, mas que foi muitooo bem trabalhado por Nana Pauvolih. Dessa vez, essa história nos apresenta Lorenza e Miguel Montês, duas pessoas que tiveram suas vidas entrelaçadas de uma forma nada convencional.
Lorenza tinha apenas dezessete anos quando se viu encantada pela presença de Miguel em sua casa. Ele era um homem rico, charmoso e que estava fazendo acordos com o pai da mocinha para "salvar" a empresa da família da menina.  Depois desse encontro repentino, curto e intenso, Miguel faz uma proposta que muda a vida de Lorenza. 

Miguel quer Lorenza para si, mas será que ela aceitará essa proposta para salvar a condição financeira de sua família?

Bom, sem contar spoilers, preciso dizer que, depois de seis anos de acordos firmados e fugas premeditadas, nossa personagem principal acaba se reencontrando com seu "predador" de uma forma nada esperada. Afinal, ela achou que ele já tivesse esquecido dela, mas, quando Miguel quer uma coisa, ele vai até o fim. 

Após voltar para o Brasil, Lorenza procura sua prima no Rio de Janeiro, mas, ao chegar na casa de sua única parente viva, ela é dopada por uma governanta e descobre que sua prima não vive mais lá.... parece que Miguel pensou em tudo, não é mesmo? Logo depois, esse homem que esteve nos sonhos e nos desejos de Lorenza, apesar de tudo, aparece e cobra o que ela deve a ele. 

Presa numa casa, cercada de seguranças, ordens e luxúria, Lorenza pode enxergar todo o sentido daquela situação e pode dar vazão para os seus sentimentos mais escondidos.... mas será que esse casal nada convencional poderá dar certo?

A Coleira é um dos primeiros livros de Nana Pauvolih e foi a quarta obra dela que eu li... fazendo uma comparação com as outras que eu já tive a oportunidade de conhecer, fiquei muito encantada com a trajetória da Nana. Todos seus livros trazem enredos que propõem uma reflexão sobre um tema que a sociedade muitas vezes deixa de lado. Essa primeira obra da autora foi muito bem desenvolvida e abordou temas polêmicos ( que vocês precisam ler para saber) com uma maestria sem igual.

Além disso, temos mais da linguagem sexy usada pela autora, o que deixa o livro ainda mais empolgante e gostoso de ler. 

Como vocês sabem, amo epílogos e, dessa vez, não podia ser diferente!! Chorei muito com a sensibilidade desse desfecho e parabenizo muito a autora por tudo isso! #QUEROMAISLORENZAEMIGUEL

De todos os personagens, o que mais conquistou meu coração foi Miguel, pois a história por trás daquele homem sério e de negócios é muito intensa. Amei ver sua mudança e sua fragilidade. Aliás, as pessoas sempre possuem dois lados, né?

Espero que tenham gostado dessa resenha.... não deixem de ler essa história totalmente arrebatadora, pois tenho certeza de que ela irá surpreender todos vocês!

Beijoooos da Alê!

2 comentários

  1. Legal, Ale. Você sempre fala muito bem sobre as obras da Nana, e essa parece ter um enredo bem inusitado. Fiquei curiosa sobre Miguel, não esperava que ele fosse ser um personagem que demonstrasse sua fragilidade, e não tinha simpatizado com ele na na premissa kkkk, mas pelo o que você disse no final, me deu vontade de conhecer ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As obras da Nana são maravilhosas mesmoooo, Thata!
      Tenho certeza de que você vai adorar as histórias dela!
      Menina, nunca pensei que fosse gostar tanto do Miguel! No final, ele fica tão "awnnnnnnnnnnnnnn"!!!
      Tomara que você leia... depois, me fala o que achou <3
      Beijooos!

      Excluir