"Fantasia Despedaçada" - Ana Ferrarezzi


“Uma fantasia é capaz de romper o limite da razão. Pode nos tornar melhores, poderosos e invencíveis. Ou quem sabe, cruéis, malignos e desprezíveis. Isso depende daquilo que desejamos ser, pelo menos naquele instante.”

 Oieeee genteeeeee....Como estão??? Espero que todos bem e com as leituras em dia...rs
Hoje nós vamos falar de um livro emocionante. Vamos falar de Fantasia Despedaçada, da querida Ana Ferrarezzi. Nós já resenhamos outro livro incrível dela, O velho vestido de noiva, que também é simplesmente perfeito e a Ana nos presenteou com mais essa obra dela para resenharmos para vocês...vamos conferir.

Em Fantasia Despedaçada, conhecemos a história de Regina. Ela aparece também em o velho de vestido de noiva, porém em Fantasias, conhecemos melhor o que de fato aconteceu em sua vida e como ela chegou ao fundo do poço.  Regina é a ex-mulher de Fábio e a verdadeira responsável por sua ruina. Entretanto, toda história tem seus porquês e através desse livro conhecemos o que houve.
O livro começa com Regina indo maquiar Amélia (futura esposa de Fábio e protagonista de o velho vestido de noiva) e ao se apresentar para ela, resolve contar toda a sua história. Regina viveu em uma casa onde a violência imperava. Seu pai agredia diariamente sua mãe, irmã e ela mesma. Regina tinha o sonho de se apaixonar e ter uma vida diferente.

Próximo ao carnaval, sua mãe lhe deu uma fantasia de odalisca e ela convida Augusto, seu vizinho e amor, para curtirem o carnaval juntos e esquecer um pouco as maledicências da vida...Tudo ia bem, porém Regina sofre uma das piores violências que uma mulher pode sofrer. Regina é violentada pelo pai de Augusto e sem ter como contar isso para alguém e com toda violência que sofre também em casa, ela decide morar nas ruas e isso só a leva a um próximo passo – a prostituição.

Mesmo com a vida dupla que tinha, Regina realiza seu sonho de cursar uma faculdade e se forma em odontologia. Ela conhece Fábio e se casa com ele, mas sem deixar de lado o vicio que adquiriu – o sexo. Mesmo tendo sua profissão como dentista, ela não deixa de se prostituir. Agora não mais por necessidade, mas sim por satisfação. Por causa dessa sua obsessão ela conhece Gilmar, e este a apresenta o que há de pior no mundo – as drogas. Em pouco tempo Regina vê seu castelinho desmoronar: seu casamento acaba, sua carreira acaba, sua mãe se afasta, e ela se vê sozinha.

Felizmente, Regina encontra apoio nas pessoas que nunca imaginou que fosse possível – a família de Fábio. Sua mãe, tia e irmã é quem convence Regina a se internar mais uma vez e quem sabe voltar a ter sua vida de volta.

Uma história bastante forte e que nos faz raciocinar sobre as mazelas que o mundo sombrio das drogas e da violência podem fazer a um ser humano. Será que Regina conseguiu se livrar por completo das drogas?? O que fez Regina aceitar a ajuda?? Será que é possível reviver o amor?? Isso é o que vocês vão descobrir ao desfrutar dessa incrível história e que nos faz pensar em como a violência pode mudar por completo a vida de um ser humano.


*****************************************************************************

Quando eu li o primeiro livro da Ana eu já me apaixonei pela escrita dela e quando eu vi que ela lançaria esse, que não é bem uma sequencia do primeiro, mas que traria a história de uma personagem do primeiro, eu fiquei doida para ler. Quando a minha querida amiga Thais me informou que a Ana mandaria um exemplar pra gente resenhar, fiquei igual pinto no lixo. 


Conhecer a história de Regina foi bem emocionante. Muitas das vezes não percebemos que situações como essas que ela enfrentou podem estar acontecendo ao nosso lado. Ultimamente tenho lido alguns livros que mostram a violência contra a mulher, seja com agressões ou até mesmo com estupros e isso é algo que realmente eu abomino. Acho que nossas leis precisam ser severas com esses tipos de crime.

Sem dar spoilers para vocês, é muito legal ver a redenção de Regina e como a força da amizade pode ser crucial para uma pessoa se reerguer.

Fiquei muito emotiva ao ler esse livro e achei muito legal que como no primeiro livro, a mudança de vida de Regina acontece a partir do momento que ela resolve reformar a fantasia de odalisca que a mãe havia feito para ela, ou seja, que assim como uma roupa pode se deteriorar com o tempo, nossa vida também e que com amor e carinho, é possível reconstruir e quem sabe se tornar uma “roupa” ainda melhor que a original.

Como em o velho vestido de noiva, a autora traz alguns textos sobre confecções e fantasias. Achei super interessante e decidi coloca-los aqui pra vocês...dá uma olhada ai:




Eu super recomendo o livro, mesmo para aqueles que não curtem histórias tão fortes, mas essas muitas das vezes essas histórias servem para que possamos enxergar que mesmo quando chegamos ao fundo do poço, é possível se reerguer, mas é preciso ter força de vontade e querer.

A querida Ana nos enviou um exemplar para que pudéssemos fazer um sorteio, mas eu tive uma ideia melhor. Em sua história, Regina diz que um dos momentos mais felizes de sua vida foi quando sua mãe lhe deu a fantasia de odalisca e que ela pode brincar o carnaval de uma forma que nunca havia feito antes, até por esse motivo que ela resolver reformar a fantasia, para sempre se lembrar daquele momento. Então eu decidi fazer um concurso onde vocês devem contar uma história de um carnaval de vocês. Pode ser engraçada, pode ser trágica ou até mesmo fictícia, mas deve ser com emoção. A melhor história, ganhará um exemplar do livro Fantasia Despedaçada. Então, para participar, mande um email para thebestwordsbr@hotmail.com contando a sua história mais emocionante de carnaval até o dia 30 de junho, deve também deixar um recadinho aqui pra gente nesse post. A história vencedora será publicada aqui no blog e na nossa fanpage do Facebook. Então, mãos a obra e bora escrever pessoal!!!!

Aproveito aqui também para anunciar que vai ter lançamento desse livro aqui no Rio simmmmm....e eu vou com certeza dar um abraço mais do que enorme da Ana. Então, anota ai na agenda, dia 30/06 as 19:00 na livraria da Travessa no Barrashopping. Espero vocês la!!!!


Bom, eu vou ficando por aqui, mas muito ansiosa para conhecer as histórias de vocês. Antes de eu ir eu quero novamente agradecer a linda Ana Ferrarezzi por mais uma vez confiar no nosso trabalho para resenhar um lançamento seu – Aninha obrigada por tudo, dia 30/06 eu te aperto tá? Rs.

Olha que fofo a dedicatória que ela me mandou!!!

Você também pode adquirir o livro na pré-venda no site da Ana...clica na imagem abaixo para conferir



Quero agradecer também a querida Thais Turesso do blog Viaje na Leitura por mais uma vez nos dar essa incrível força – Valeu Tatá. E obrigada a vocês também por sempre estar aqui com a gente....amo vocês e até a próxima...

Beijocas
Flay



4 comentários

  1. Flá,

    Amei sua resenha! Realmente, esse livro me emocionou, fez-me ver a vida com outros olhos, enxergar uma realidade que desconhecia! Recomendo muito a leitura!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá minha flor! Nao conhecia a autora, mas fiquei muito interessada em ler. Parece uma obra maravilhosa. Gostei da sua opiniao e da maravilhosa resenha. Vou participar do concurso cultural do livro. Espero ter sorte.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  3. Oi Flavia! Legal saber de uma história forte e com superação, não é mesmo? E de uma autora nacional então? Melhor ainda, rss. Admito que ando fugindo de temas polêmicos mas quem sabe não será esse a uma redenção? Abraços

    ResponderExcluir
  4. Olá Flávia,
    estou em um momento de recuperação, então quem sabe seja bom mesmo ler um livro com essa temática.
    Dizem que quando se chega ao fundo do poço só tem um caminho, subir. Acho que foi isso que Regina fez. Ótima Resenha. Parabéns!

    Beijos,
    Anne
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir